cabelos

Como fazer o cabelo crescer rápido - Comprovado, cresce até 4 cm por mês

16:40

Está com os cabelos fracos e sem vida? Ou foi no salão e a cabeleireira cortou demais? Não se desespere, trouxe algumas dicas que farão com que seu cabelo cresça bem rapidinho! Não é um milagre, mas se você seguir todas as dicas logo verá resultado. 
-A alimentação é fundamental. Comer alimentos fonte de proteínas como ovo, leite, iogurte, carnes, alimentos saudáveis em geral. O cabelo vem de dentro pra fora e funciona como seu corpo. Se você se alimente bem, ele responde bem! 

-Tomar todos os dias sucos feitos com alimentos ricos em vitaminas A,C ferro e zinco. Acrescente frutas e verduras ao seu cardápio. Faça sucos de laranja, cenoura e beterraba. 

-Massageie o couro cabeludo todos os dias. Uma vez por semana pode ser feita a esfoliação de café. Em breve farei um post falando como fazer! 

-Óleos capilares, para fazer humetação. Use os de alecrim, amêndoas ou de argan. 

-Tome suplementos capilares, como: M CapHair, Pantogar, Luminus Hair entre outros. 

-Faça um cronograma capilar e intercale entre hidratação, restauração e reconstrução. 


- Evite a chapinha por este período. Dê preferencia para o secador. Mas caso você precise usar a chapinha, não se esqueça do protetor térmico. Creio que 60% do estrago dos nossos cabelos é causado pelo uso da chapinha. 

-  Use produtos específicos para o crescimento e fortalecimento do cabelo. Eu já usei e indico a linha CrecePelo!

- Receitas caseiras são ótimas. Alem de natural é acessível ao nosso bolso.


Essas são as dicas. Lembrando que não existe milagre para o crescimento do cabelo. Cuide e verá resultados! 

Não se esqueça de me acompanhar no facebook basta clicar Aqui.


dicas

A incrível geração de mulheres que foi criada para ser tudo o que um homem NÃO quer

15:37


Li este texto, achei muito bom e resolvi compartilhar! 
Resultado de imagem para meninas tumblr festas

Às vezes me flagro imaginando um homem hipotético que descreva assim a mulher dos seus sonhos: “Ela tem que trabalhar e estudar muito, ter uma caixa de e-mails sempre lotada. Os pés devem ter calos e bolhas porque ela anda muito com sapatos de salto, pra lá e pra cá. Ela deve ser independente e fazer o que ela bem entende com o próprio salário: comprar uma bolsa cara, doar para um projeto social, fazer uma viagem sozinha pelo leste europeu. Precisa dirigir bem e entender de imposto de renda. Cozinhar? Não precisa! Tem um certo charme em errar até no arroz. Não precisa ser sarada, porque não dá tempo de fazer tudo o que ela faz e malhar. Mas acima de tudo: ela tem que ser segura de si e não querer depender de mim, nem de ninguém.”Pois é. Ainda não ouvi esse discurso de nenhum homem. Nem mesmo parte dele. Vai ver que é por isso que estou solteira aqui, na luta.O fato é que eu venho pensando nisso. Na incrível dissonância entre a criação que nós, meninas e jovens mulheres, recebemos e a expectativa da maioria dos meninos, jovens homens,  homens e velhos homens. O que nossos pais esperam de nós? O que nós esperamos de nós? E o que eles esperam de nós? Somos a geração que foi criada para ganhar o mundo. Incentivadas a estudar, trabalhar, viajar e, acima de tudo, construir a nossa independência. Os poucos bolos que fiz na vida nunca fizeram os olhos da minha mãe brilhar como as provas com notas 10. Os dias em que me arrumei de forma impecável para sair nunca estamparam no rosto do meu pai um sorriso orgulhoso como o que ele deu quando entrei no mestrado. Quando resolvi fazer um breve curso de noções de gastronomia meus pais acharam bacana. Mas quando resolvi fazer um breve curso de língua e civilização francesa na Sorbonne eles inflaram o peito como pombos. Não tivemos aula de corte e costura. Não aprendemos a rechear um lagarto. Não nos chamaram pra trocar fralda de um priminho. Não nos explicaram a diferença entre alvejante e água sanitária. Exatamente como aconteceu com os meninos da nossa geração. Mas nos ensinaram esportes. Nos fizeram aprender inglês. Aprender a dirigir. Aprender a construir um bom currículo. A trabalhar sem medo e a investir nosso dinheiro.  Exatamente como aconteceu com os meninos da nossa geração. Mas, escuta, alguém  lembrou de avisar os tais meninos que nós seríamos assim? Que nós disputaríamos as vagas de emprego com eles? Que nós iríamos querer jantar fora, ao invés de preparar o jantar? Que nós iríamos gostar de cerveja, whisky, futebol e UFC? Que a gente não ia ter saco pra ficar dando muita satisfação? Que nós seríamos criadas para encontrar a felicidade na liberdade e o pavor na submissão? Aí, a gente, com nossa camisa social que amassou no fim do dia, nossa bolsa pesada, celular apitando os 26 novos e-mails, amigas nos esperando para jantar, carro sem lavar, 4 reuniões marcadas para amanhã, se pergunta “que raio de cara vai me querer?”.“Talvez se eu fosse mais delicada… Não falasse palavrão. Não tivesse subordinados. Não dirigisse sozinha à noite sem medo. Talvez se eu aparentasse fragilidade. Talvez se dissesse que não me importo em lavar cuecas. Talvez…”Mas não. Essas não somos nós. Nós queremos um companheiro, lado a lado, de igual pra igual. Muitas de nós sonham com filhos. Mas não só com eles. Nós queremos fazer um risoto. Mas vamos querer morrer se ganharmos um liquidificador de aniversário. Nós queremos contar como foi nosso dia. Mas não vamos admitir que alguém questione nossa rotina.O fato é: quem foi educado para nos querer? Quem é seguro o bastante para amar uma mulher que voa? Quem está disposto a nos fazer querer pousar ao seu lado no fim do dia? Quem entende que deitar no seu peito é nossa forma de pedir colo? E que às vezes nós vamos precisar do seu colo e às vezes só vamos querer companhia pra um vinho? Que somos a geração da parceria e não da dependência?E não estou aqui, num discurso inflamado, culpando os homens. Não. A culpa não é exatamente deles. É da sociedade como um todo. Da criação equivocada. Da imagem que ainda é vendida da mulher. Dos pais que criam filhas para o mundo, mas querem noras que vivam em função da família.No fim das contas a gente não é nada do que o inconsciente coletivo espera de uma mulher. E o melhor: nem queremos ser. Que fique claro, nós não vamos andar para trás. Então vai ser essa mentalidade que vai ter que andar para frente. Nós já nos abrimos pra ganhar o mundo. Agora é o mundo tem que se virar pra ganhar a gente de volta. 


Fonte: http://vida-estilo.estadao.com.br/blogs/ruth-manus/a-incrivel-geracao-de-mulheres-que-foi-criada-para-ser-tudo-o-que-um-homem-nao-quer/

Não se esqueça de me acompanhar no facebook basta clicar Aqui.

como escolher o nome

Como escolher o nome para seu blog

13:46



Aqui estou para dar uma dica muito boa. Ultimamente estou com a criatividade á mil. Virão vários post's legais que estou preparando. 
Quando criei meu blog, a maior duvida que tive foi "Qual o nome colocar". Não procurei no Google, acabei inventado vários outros nomes e no final acabei neste, "NÃO HESITE". Pois, bem fiquei perdida, mas se achasse alguém que me desse dicas eu iria abraça-las com toda certeza. 

E para vocês que estão pensando em qual nome escolher para seu blog, aqui vão algumas dicas fundamentais: 

TEMA: Escolha seu nicho. Quais assuntou seu blog vai falar como maquiagem, moda, livros, filmes, jogos, tecnologia e por ai vai. A partir do tema ficara mais fácil escolher. Por exemplo se o seu blog pretende abordar maquiagem, que tal SEUNOME + MAKEUP

PLATAFORMA: Escolha uma plataforma para hospedar seu blog. Eu uso a blogger, mas existem diversas como Wordpress, Wix,  por ai vai...

PESQUISE SEUS CONCORRENTES: Já pensou no nome? Vá no google e pesquise ele por lá, vai que tem alguém com o mesmo nome . Você será considerado uma copia. 

ENFIM O NOME: Escolha um nome atraente, que seja fácil de decorar, fácil de escrever, preferencialmente em português. Já percebeu que os maiores blogs do brasil tem nomes simples, como: Fatos Desconhecidos, Tudo Gostoso, Boca Rosa, Ocioso. 
É preciso garantir que seus futuros seguidores possam encontra-los facilmente. Com um nome simples será mais fácil a busca no Google. 

Alguns nomes para vocês, se for usar algum por favor comente! 

Vou Arrasar 
Diario da SEUNOME
Pequena SEUNOME
Um blog agridoce
Como Cão e Gato
Caçando Borboletas
Lendo de Salto
Confissões de uma Garota
Depois dos SUAIDADE


Eai já pensou em algum nome? Se mesmo assim não conseguiu basta ir neste site. Ele é um gerador de títulos. Boa Sorte!!! --> Maquina de títulos

Espero que tenham gostado. Agora é só criar o blog. Se você já tem um comente e deixe o link para que eu possa te visitar. Até mais!


Não se esqueça de me acompanhar no facebook basta clicar Aqui.


cabelo

Como cuidar do cabelo após a inteligente ou progressiva

09:35

Neste post vou dar dicas de como cuidar dos cabelos após os alisamentos químicos (inteligente ou progressiva).
Lembrando que os cuidados, farão com que o alisamento dure por mais tempo, e não fiquei ralo, sem vida e cheio de pontas duplas. 
A hidratação em qualquer tipo de cabelo é fundamental. Mas quando o cabelo tem química os cuidados são redobrados.
Vamos lá!



Hidratar o cabelo é tão importante quanto hidratar a pele. Você já parou para pensar porque bebemos água? A maior função dela é hidratar. Bebemos todos os dias e de hora em hora.
Com o cabelo não pode ser diferente. Se não hidratarmos corretamente ele perde a queratina e proteínas.
O processo químico utilizado nos alisamentos, muitas vezes deixa o cabelo com as cutículas abertas. Os cabelos acabam ficando com a aparência ruim, e isso acaba incomodando bastante. Sem falar na chapinha e secador que são o pior inimigo dos fios.
A primeira dica é:

Cronograma capilar!
Na internet tem vários cronogramas capilares, escolha um e siga ele. Muita gente faz a progressiva para deixar os cuidados de lado. Por favor, não caia nessa. O que deixa aquele aspecto lindo e brilhoso é o formol, que é muito prejudicial a saúde. Invista em hidratações, reconstrução e nutrição.

Use produtos certos!
Use sempre os produtos específicos para cabelos alisados ou com química. Assim seu alisamento ira durar por mais tempo, sem prejudicar a saúde dos fios.

Secador para finalizar!
O secador dá o acabamento final. O cabelo ficará mais brilhoso e mais lisinho. Não esqueça o protetor térmico. 

Aguá na temperatura ideal!
Não lave os cabelos em água morna ou quente. A água quente abre ainda mais as cutículas do cabelo, fazendo deixando ele com aspecto horrível e assim seu alisamento sairá mais rápido. 

Não fique muito tempo na piscina!
O cloro é um inimigo dos cabelos. Se forem alisados, o problema se agrava ainda mais.  Sempre use um protetor solar para o cabelo. Pois quando os dias de lazer na piscina, geralmente são mais cheios de sol. 

Pra você que alisa e sofre com as terríveis caspas pós alisamentos, fiz um post que ensino Como acabar com escamaçoes ou caspa após a progressiva ou inteligente


Espero que tenham gostado. Um grande beijo e fiquem com Deus!! 


Não se esqueça de me acompanhar no facebook basta clicar Aqui.


POST'S QUE RECOMENDO: Como fazer o cabelo crescer rápido


dica

Por que os cabelos ficam mais bonitos na gravidez

21:42


Olá queridos leitores! Hoje venho para esclarecer uma duvida muito comum da gestação. Quem já me acompanha sabe que tive um filho, alias ele completou um ano a poucos dias. Acompanhe-me no instagram para ficar por dentro de tudo @Fabiianamends

A gravidez, para além de mudar tudo numa mulher, muda também algumas características físicas, inclusive o cabelo. 
Como se vê na foto, meu cabelo estava cheio, com vida, um movimento incrível, e eu nem precisava hidratar.

 Segue a lista de alguns post's que fiz durante a minha gestação:



Foto com 8 meses de gestação 



E sabe de quem é a culpa dos cabelos lindos ? 

Dos hormônios femininos.  Durante a gestação, o estrogênio e a progesterona aumentam na circulação sanguínea e afetam os folículos capilares, causando uma verdadeira revolução no comportamento dos fios. A oleosidade e a queda diminuem, já que estão associadas aos hormônios masculinos e esses, por sua vez, sofrem uma redução. Por isso, nesse período, a mulher tende a ficar com fios mais sadios e bonitos.Um aumento do estrogênio também revitaliza o metabolismo, o que provoca o aumento do fluxo de nutrientes. 



Agora que as duvidas foram esclarecidas, não se esqueça de me acompanhar no facebook basta clicar Aqui.

Grande beijo e até mais! 

Popular Posts

Flickr Images